Bistecão Ilustrado do Abril Beniciano 2007


Um dia pra ficar na História

Acordei cedo achando que já era tarde. Olhei para o relógio e eram quase 5 da manhã. Fiz isto mais duas vezes antes de chegar a hora de levantar. Tive uma manhã rotineira, e contei as horas até pegar o carro e ir até o aeroporto de Congonhas encontrar o Kako, para recepcionar o Benício. Chegando lá acabou a rotina e minha tarde não poderia começar melhor, com o Kako contando estórias inacreditáveis sobre a revista Grandes Guerras, de um colaborador que tinha um furo de baioneta na perna recebido durante uma reportagem na Índia, além de curiosidades, parcerias e participações nas pautas, enfim, legal bagarai.

Aí chegou o Mestre Benício, atrás de um sorriso enorme, que me lembrou os holofotes e a alegria de um estádio em noite de final de campeonato. Entre abraços e piadas hilárias tínhamos poucas mas boas opções de lazer para oferecer ao nosso convidado mais que especial: Ver a exposição Leonardo da Vinci, visitar a loja Pintar no bairro da Pompéia ou levá-lo ao hotel para uma merecida soneca. Tentamos ver o colega de profissão, o Leo” para os íntimos, hahahaha, mas como ele está muito pop, famoso e metido, a fila de “amigos do Leo” era imensa, e desistimos antes de sair do carro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: